Anime Friends se renova como evento, mas existem pontos que ainda precisam melhorar


O Anime Friends é um dos mais importantes eventos multi temáticos do estado de São Paulo e um dos maiores no território brasileiro. Após o surgimento da CCXP (Comic Com Experience), o evento organizado pela Yamato Cultural passou a ter a missão de se renovar diante do público e ainda manter o espírito que fez o Anime Friends ser querido entres os fãs de cultura pop oriental.

Desde o anuncio da nova edição do evento a Yamato revelou mudança drásticas que não agradaram imediatamente o publico, as três principais mudança foram o novo espaço aonde o Anime Friends foi realizado (o Transamérica Expo Center), a quantidade de dias do evento (este ano foram apenas três dias) e o valor dos ingressos para cada dia de evento.

As duas primeiras mudanças foram justificáveis e mostrava que a organização tinha a preocupação de fazer um evento mais coeso, porem a Yamato Cultural tinha que provar para o público que o valor do ingresso do Anime Friends era de acordo com dimensão do evento.

Confira as fotos do Anime Friends 2017 na nossa pagina no Facebook

A programação do Anime Friends revelava que o evento teria mais de 170 horas de conteúdo dividido em cinco palcos. Além das tradicionais palestras com as editoras e os concursos de cosplay, o evento teve como atrações nacionais youtubers, dubladores, cantores e bandas de Animes Songs. Já entre as atrações internacionais, o evento contou com a presença do ator Takumi Tsutsui (Jiraya), das bandas japonesas Do As Infinity e Asian Kung-Fu Generation, do cantor T.M. Revolution, grupo coreano BLANC7 e da cosplayer profissional Reika.

Vendo a programação do evento é possível identificar que como festival musical o Anime Friends justifica o seu valor. Os shows do grupo BLANC7 e do cantor T.M. Revolution foram muito boas para quem gosta de um estilo de música mais pop. Já o show das bandas Do as Infinity e Asian Kung-Fu Generation foram excelentes para as fãs de músicas de anime.

Em relação as palestras do palco BCC vemos que o evento está repetindo algumas figuras da edicao anterior. Por outro lado o palco Anime conseguiu trazer os principais influenciadores digitais relacionados a animes e assim reverter a polemica gerada na edição anterior do evento, aonde parte do publico reclamou nas redes sociais que o evento havia trazido youtubers que não tinham nenhuma relação com a temática do Anime Friends.

Veja as matérias diretamente do Anime Friends 2017.

Como disse inicialmente, uma das grandes mudanças nesta edição do Anime Friends foi a realização do evento no Transamérica Expo Center. No centro de eventos, localizado na região de Santo Amaro em São Paulo, foram utilizados 40 mil m² e a organização tinha um grande local para montar o Anime Friends, mas este foi o maior ponto fraco do evento.

Segundo informações no site oficial do centro de eventos, o local possui infraestrutura para receber até sete eventos de forma simultânea e utilizando a área total do local (que possui 100 mil m²). A organização do Anime Friends montou a estrutura do evento (incluindo os cinco palcos) nos três principais pavilhões do Transamérica Expo, porem o layout do evento proporcionou momentos aonde o som e o publico um palco acabava sabotando o outro. O público (e as atrações) do palco BCC foram as que mais sofreram durantes as palestras por causa da reverberação do som do palco Anime e do público que estava no meet & greet, que ficava ao lado do espaço do palco BCC.

Um outro ponto contra o evento foi a falta de mesas e cadeiras nas duas praças de alimentação e a pequena quantidade de banheiros, aonde em alguns momentos foi possível ver filas do publico que queria fazer uso deles.

Como evento, o Anime Friends soube se renovar e trazer mais atrações únicas do que nos anos anteriores, a organização também ouviu o publico e trouxe influenciadores apenas de animes e algumas atrações exclusivas. Já como estrutura, o evento tinha um espaço considerável em relação ao ano anterior, mas o layout da estrutura do Anime Friends acabou falhando ao fazer a dispersão do som de um palco sabotar o outro, além da quantidade de banheiros e mesas a área de alimentação ser bastante limitada.

Pelo valor cobrado no ingresso o Anime Friends valeu por suas atrações, porem sua parte estrutural acabou estragando um pouco a experiência total que o evento poderia proporcionar. Agora é aguardar 2018 para saber se o evento organizado pela Yamato Cultural ira evoluir mais, trazer ainda mais conteúdo para a próxima edição do evento e melhorar nos pontos fracos da edição deste ano.
Patreon de O Vértice