Editor de My Hero Academia fala do sucesso da obra de Kohei Horikoshi

O mangá My Hero Academia é atualmente um grande sucesso dentro do Japão (sendo considerado inclusive como sucessor direto do mangá Naruto) e além do autor da obra, Kōhei Horikoshi, o editor Kengo Monji também merece levar os créditos pela popularidade do mangá dentro da revista japonesa Shonen Jump e no restante do mundo.

Em entrevista recente para a revista Origon Style, Monji apontou fatores em My Hero Academia que ele considera essencias para o sucesso da obra. Entre estes fatores, ele falou de uma cena no primeiro capitulo em que o protagonista Deku enfrenta um inimigo para salvar o personagem Bakugou. Segundo o editor, na Shonen Jump os protagonista são geralmente agitados, mas isto não ocorre no caso da obra de Horikoshi. Ele também fala que um personagem correr para o perigo mesmo sem saber se ira salvar a outra pessoa é algo que tras uma diferença a obra.

Relacionado: My Hero Academia (Volume 1) | Crítica

O editor afirmou estar satisfeito com a grande diversidade de personagens criados por Horikoshi. Segundo Monji, o mangáka já possuia uma grande quantidade de rascunhos de personagens desde o inicio, mas que o autor aceitou sugestões feitas pelo editor. Ele também revelou que regularmente se reune com o mangáka para discutir mudanças na obra quando recebem resultados negativos nas pesquisas da revista Shonen Jump e que não seguem sugestões feitas pelos leitores.

Com a grande quantidade de adaptações de mangás em filme em live action o editor foi questionado sobre a possibilidade de My Hero Academia ser adaptado para este tipo de midia futuramente. Monji disse estar entusiasmado com esta possibilidade, pois, assim como o anime, uma adaptação para um longa em live action iria atrair leitores para o mangá.

Atualmente o mangá My Hero Academia se encontra no volume 10 no Japão e a segunda temporada do anime está prevista para estreia na TV japonesa em 2017. Aqui no Brasil a obra de Kōhei Horikoshi é publicada pela editora JBC.

Patreon de O Vértice