Expresso do Amanhã | Crítica

Inspirado na excelente HQ O Perfuraneve, estreou recentemente no país o filme Expresso do Amanhã (Snowpiercer, no original). O termo "inspirado" é o mais adequado neste caso, pois com exceção do pano de fundo, o roteiro do filme é praticamente todo original em relação à trama da HQ (ou parte dela, já que a HQ é dividida em três partes e o filme aborda uma destas partes).

Expresso do Amanhã conta a história de uma locomotiva que não pode parar. Após o aquecimento global, a humanidade utilizou a ciência para reduzir a temperatura da Terra, mas ao invés de resolver o problema, acabou criando outro. A Terra se congelou e a vida foi extinta. Restaram apenas a locomotiva Snowpiercer e os seus passageiros, que em cada vagão representam uma alegoria às classes sociais: ricos na dianteira, pobres e esquecidos no fundo. E é no fundo que conhecemos Curtis Everett (Chris Evans), que busca ascensão e quer lutar contra essa desigualdade extrema.

poster

A trama do filme se desenvolve nesta revolta de Curtis e seus liderados rumo à dianteira da locomotiva, passando em cada vagão por uma representação ou nicho da sociedade. Para quem pôde ler a HQ, fica claro que as mudanças no roteiro simplificaram a história - algo normal quando há um conversão de formatos - mas que também deixaram as motivações de personagens e mesmo a exploração do trem muito simplórias e às vezes sem sentido.

O diretor tenta compensar o roteiro um pouco sem sal com uma direção de arte e fotografia impecáveis, além de atuações sólidas e bons atores, como John Hurt e Ko Asung. Mas ainda assim a sensação é de que Expresso do Amanhã tinha potencial para entregar muito mais.

De qualquer forma, vale a ida ao cinema e com certeza despertará em muitos o desejo de conhecer a HQ, profunda e repleta de alegorias e com uma história bem amarrada.

Confira a sinopse e o trailer de Expresso do Amanhã:

https://youtu.be/okeVv_MQLTk

Um experimento para impedir o aquecimento global falha e uma nova era do gelo toma conta do planeta. O que resta é apenas neve e guerra. Os únicos sobreviventes da Terra estão a bordo de uma imensa máquina chamada Snowpiercer. Lá dentro, os mais pobres vivem em péssimas condições, enquanto a classe rica vive em meio ao luxo.
Patreon de O Vértice