Better Call Saul 1x07 – Bingo

Melhor que entrar em problemas, McGill está ficando muito bom em sair deles; Mike faz seu primeiro trabalho com o advogado


A tentação parece atrair nosso personagem principal e os problemas acabam sempre retornando maiores. Mas isso até agora não trouxe nenhum grande empecilho para que ele parasse de agir de forma eticamente incorreta. Na verdade ele parece ganhar mais força após cada situação perigosa. Foi assim com Tuco e os gêmeos, com Nacho e o casal Kettleman. E novamente iremos acompanhar problemas de personagens de um passado recente, e que rendeu mais alguns pontos ao seu histórico de advogado nada convencional.
O episódio teve início com o desenrolar do roubo do bloco de anotações dos policiais da Filadélfia, que vieram atrás de novas informações sobre as mortes que ocorreram após a do filho de Mike. MGill foi chamado e resolveu a situação do seu jeito. “Algumas pedras é melhor não virar”. Apesar de discursar sobre a importância da renovação de sua delegacia por causa da corrupção, o antigo companheiro de Mike fica com um pé atrás sobre determinados assuntos, incluindo a morte dos dois policiais. É claro que ele sabe o que realmente aconteceu.


Logo após o encontro na delegacia, voltamos a acompanhar o dia a dia de Jimmy. Na casa de Chuck, ele descobre que seu irmão mais velho está tentando, por meio de um tratamento diferente, retornar a normalidade, supostamente aumentando a tolerância a campos eletromagnéticos. Chuck também caiu na isca de seu irmão, que deixou alguns processos lá para que ele possa voltar aos poucos à ativa.


Após perceber que não tinham muitas opções e alimentando uma falsa esperança de que algo ainda poderia ser feito, Craig e Betsy foram atrás de Jimmy em busca de recuperar em forma de trabalho o dinheiro do suborno dado por eles para o advogado. McGill os aconselhou a retornar para HHM, sua principal concorrente, mas se entregar facilmente não fazia parte de seus planos.


Jimmy pesquisou, estudou e buscou formas para tentar livrar Craig das acusações, mas logo percebeu que estava diante de uma causa perdida, e viu que Kim estava certa ao oferecer-lhes o acordo com a devolução do dinheiro. Pressionado, ele utilizou os recursos que tinha para tentar se livrar do problema, e pela primeira vez vimos Mike trabalhando efetivamente para o advogado.


O ex-policial então usou suas técnicas de investigação para descobrir onde estava o dinheiro do estranho casal, e a paciência foi sua principal virtude. Após algumas maçãs, ele entrou na casa e conseguiu recuperar a grana, que somada ao valor do suborno de Jimmy, foi enviada para o promotor que iria cuidar do caso. “Uma coisa que vocês precisam saber sobre mim é que eu não tenho nada a perder. Deveriam ver o meu escritório”. McGill resolveu chutar o balde e apostou na sua perspicácia ao encurralar Betsy, que o ameaçava por causa do suborno.


Tudo resolvido, mas o dinheiro foi embora. Desesperado, Jimmy ensaia um choro frustrado, que logo é ofuscado por uma ligação que o faz mudar automaticamente de semblante. Era um novo cliente, com novos problemas. Ele fez bom uso do dinheiro, e ganhou um pouco de fama na cidade, e agora é hora de continuar seu trabalho. Até a próxima!

Patreon de O Vértice