Agents of S.H.I.E.L.D. 2x10 – What They Become

Emocionante...


Talvez esta tenha sido a primeira vez que eu tive dificuldade para elaborar o chamariz para uma review de Agents of S.H.I.E.L.D.. Ao mesmo tempo, esse foi o chamariz mais honesto que eu já coloquei, pois o episódio foi emocionante de uma maneira que nenhum outro da série foi até hoje. Tivemos mortes, revelações, ações, mais revelações, drama e um pouquinho mais de revelações.


O que me chamou a atenção para What They Become logo de cara foi a May conseguindo fugir dos aviões da H.Y.D.R.A.. Se ainda havia alguma dúvida sobre as habilidades da oriental, elas já não existem mais.


Porém o episódio não foi centrado na personagem. Na verdade, ele foi 100% focado em Skye. Quando digo isso, quero dizer que foi focado apenas nela MESMO. Com isso, finalmente descobrimos sobre o seu passado, seu presente e até mesmo um pouco sobre o seu futuro.


Assim como todos os fãs (acredito), eu estava ansioso para o ver o encontro entre ela e seu pai – cujo verdadeiro nome também já descobrimos: o doutor é nada mais nada menos que Calvin Zabo ou, como é mais conhecido nas HQs, Mr. Hyde. Confesso que, apesar de todas as loucuras, fiquei com um pouco de pena do personagem. Tudo o que ele fez e destruiu foi somente visando encontrar Skye. Por causa disso, acabou não sendo justo Coulson ter matado o Whitehall. Seria bom ver o doutor finalmente se vingando por tudo o que a H.Y.D.R.A. fez.


Muitas foram as teorias criadas a respeito da verdadeira identidade de Skye. Alguns pensaram que ela poderia ser a Mulher Aranha (me incluam nessa), outros pensaram na Mulher Hulk... mas, parece seguro afirmar, descobrimos que ela, na verdade, se chama Daisy Johnson, que nas HQs é filha de Mr. Hyde, agente da S.H.I.E.L.D. e possui habilidade de provocar terremotos. Como vimos no final do episódio, aquele terremoto que aconteceu no templo do Obelisco foi causado por Skye.


Aliás, não foi apenas isso que a moça provocou. Ela também (acredito eu) conseguiu fazer a alegria dos fãs conseguiu ao, sem hesitar, atirou quatro (eu disse QUATRO) vezes em Wardme. Isso me fez levantar da cadeira e gritar: "AAAAEE"! Pena que o filho da mãe não morreu e, ao que parece fugiu com a "fake May".


Só fiquei um pouco chateado com a morte do Tripp. Consegui gostar do personagem em pouco tempo de série. Já estou com pena de Fitz, pois essa morte será mais uma decepção para o personagem. Ainda sobre isso, fiquei com uma dúvida: quando Skye e Raina estavam sendo petrificadas por causa do Obelisco e Tripp destruiu o artefato, as duas voltaram por causa disso ou o rapaz acabou morrendo sem motivo nenhum?


Por falar em Raina, pudemos perceber que a sua evolução Pokemon foi um pouco mais drástica do que a de Skye/Daisy. Observem que ela acabou ficando com olhos amarelos e algo que lembra pelos ou escamas em volta de seu rosto, além de unhas negras gigantescas:


shield2


Já estão surgindo especulações de que ela poderá se tornar a Tigresa, uma importante personagem no mundo das HQs, o que poderia dar à personagem direito até a participações nos Vingadores. Porém, descobriremos isso apenas na volta do hiatus da série, que infelizmente demorará um pouco, uma vez que logo já teremos a estreia de Agent Carter no horário de S.H.I.E.L.D.. Então, quero desejar a todos boas festas de final de ano. Se tudo der certo, nos vemos em meados de março.


P.S.: Quero que reparem em algo muito importante, que só prestei atenção na última vez que assisti ao final do episódio. Logo após Skye começar a provocar o terremoto, aparece um rosto entre as sombras e a poeira, e não parece se tratar de Raina. Observem a imagem abaixo e me digam se estou louco ou não (fiquei com um pouco de medo vendo isso):


shield3

Patreon de O Vértice