Once Upon a Time 3x21/22 – Snow Dirftis/There's No Place Like Home [Season Finale]

Once Upon a Time 3x21/22 – Snow Dirftis/There's No Place Like Home [Season Finale]

Cheguei!


O que falar dessa season finale que acabei de assistir e já odeio pakas?

Primeiro, estou confusa, estou nervosa, não sei por onde começar... O episódio em si (até pouco antes do final) não foi ruim, foi ok. Não fui metade da season finale que eu estava esperando, mas não teve muitas falhas, mostrou a que veio e cumpriu o que foi proposto. Emma voltou para o passado com o Hook e, num impulso, fez merda. Daí em diante, ela teve que correr atrás das consequências para não prejudicar ou corromper o futuro (*). Eu gostei das cenas que se desenvolveram a partir disso, o plot da Emma, de não ter um lar e de não conseguir se encaixar em Storybrooke foi, finalmente, resolvido. Ao voltar ao passado, ela conseguiu perceber como as coisas aconteceram e sentir que fazia parte direta daquela história e daquelas pessoas. Agora, ela faz parte do livro, o que, afinal, é a coisa mais importante que ela poderia querer: fazer parte da história e não ser uma observadora ou válvula de escape sempre que uma merda acontece. Entendi e aceitei isso, e até curti como o roteiro foi conduzido.

Houve momentos ótimos que se originaram desse plot:

- Eles conhecendo o Rumple. A cara da Emma foi impagável quando ela viu o Dark One.

- Ela vendo a Regina como Evil Queen. Acho que, para os Swan Queen, esse momento era o mais esperado da série, clichezão da maioria das fic's. Foi interessante ver a Princesa vendo pela primeira vez a ira da Rainha, afinal ela só tinha ouvido histórias a respeito da maldade de Regina.



- Conhecer os pais de outra forma, ver eles se apaixonaram e como tudo aconteceu. Quem nunca quis isso? Eu pelo menos já pensei um milhão de vezes em como meus pais acabaram juntos. Acho que esse ponto, além de ter sido decisivo para Emma, trouxe um outro olhar de que quando é para ser, vai ser. Outro jeito de abordar a verdadeira definição de True Love.

- Emma e Hook realmente tem química e esse episódio serviu para mostrar como eles se entendem e trabalham bem juntos.


- O momento em que a Emma vê a mãe morrendo e depois "renascendo" foi emocionante!

- Regina e a maçã. *-*


Enfim, esse plot foi bem trabalhado. Mesmo que a continuidade tenha pecado um pouco (há algumas diferenças sutis em algumas cenas em relação aos episódios originais), não foi o suficiente para atrapalhar ou distorcer os acontecimentos.

Outra coisa que eu gostei foi do casamento Rumbelle. Mesmo achando que eles não combinam tanto como casal, achei fofo o que ambos disseram, achei a cara deles a descrição e até que gosto deles um pouco mais agora. Sei lá porque... Só acho que, quando a Belle souber o que o Rumple fez, ela não vai ficar nada satisfeita de ter sido enganada dessa forma.


Achei um pouco WTF?! o bebê Charming chamar Neal. Tudo bem que o cara "salvou" a vida deles, porém ele nunca foi esse herói todo que eles pintam e, além do mais, eles deviam ter pelo menos uma raivinha dele por terem feito a filha deles ser presa. Achei meio sem noção, mas ok. Bem melhor do que a Snow chamar o seu filho de Daniel somente para selar a paz com a Regina.

Por falar em paz com a Regina, acho que todo o progresso que ambas personagens tiveram nessa temporada será severamente comprometido na próxima. E isso que me fez dizer lá no início da review que tinha odiado o episódio. Eles pegaram todo o andamento e o desenvolvimento da Regina de duas temporadas e conseguiram fazer uma tremenda merda. Já tinha reclamado da maneira inicial que o relacionamento da Regina e do Robin se desenvolveu, com tudo muito rápido e etc, porém as cenas fofas dos dois compensavam qualquer coisa. Aí, eles pegam a personagem mais fudida da série (vulgo a principal – desculpem, mas se a Lana me sai dessa série, adeus 70% da audiência) e conseguem fazer ela se fuder ainda mais. Para que toda aquela redenção? Para que me colocam esperança na vida dessa mulher? Por que me colocam o coração dela de volta se ele vai ser quebrado de novo? Morri com a carinha dela de decepção... Ela se abriu de novo e, mais uma vez, não deu certo. Agora, só quero ver o que eles vão fazer para recuperar a razão e a credibilidade desse romance de novo.

 

*Se Emma sabia que não podia mexer no rumo das coisas para mudar o futuro e lutou tanto para colocar a história no eixo de novo, por que raios ela teve que levar a Marian para o futuro? Com certeza, ela interferiria de alguma maneira. Mas não estou com raiva da Emma (como sei que muita gente está). Ela é a Salvadora e seu complexo de heroína nunca permitiria que ela deixasse a garota lá, jogada ao próprio destino. Eu entendo, mas que foi burrice foi, mesmo não tendo sido por mal. Foi idiotice dos escritores e estou revoltada não só pelo meu shipper ter sido, parcialmente, destruído e suspenso, mas porque isso não acrescenta nada de bom à história. Regina com ódio da Emma agora, igual tinha ficado da Snow? Não, gente, pelo amor de Deus. Essa história não vai pegar, não vai funcionar, porque não faz o menor sentido. Aff!


E para finalizar, a próxima vilã da quarta temporada (que deve estrear em setembro) foi introduzida.


Enfim, até setembro, oncers. Tomara que eles não flopem essa série, porque, olha, estou desiludida! E só continuo por causa THIS:

Beijos.
Patreon de O Vértice