Dragon Ball | Akira Toriyama diz que parou de fazer mangás de luta por causa da violência da serie

Em um evento realizado para promover a nova temporada do anime Dragon Ball Kai, o mangáka Akira Toriyama fez uma declaração polemica sobre a serie publicada entre 1984 e 1995 na revista Shonen Jump.

Segundo Toriyama, trabalhar na saga de Majin Boo fez o mangáka se tornar uma pessoa que passou a odiar lutas, devido as repetidas cenas de violência mostradas nessa saga.

"Agora que eu me tornei um homem velho, com pressão arterial elevada e um gosto por comidas leves, não vou fazer este tipo de historia novamente. Na verdade, eu perdi a vontade de fazer mangás de luta desde a saga Majin Boo"

Porem, Akira disse que gosta muito dos personagem criados por ele em Dragon Ball, principalmente de Mr. Satan.

Mesmo a historia de Goku e companhia sendo um dos animes/mangá mais famosos do mundo (do jeito que é), devemos lembrar que quando começou a ser publicado na Shonen Jump, Dragon Ball era um mangá que utilizava artes marciais junto de uma comedia nonsense, porem nos anos 90, Toriyama começou a mudar totalmente o estilo de sua obra, aonde a historia passou a ter um foco quase total nas batalhas e a comedia quase desapareceu.

Recentemente, Akira Toriyama publicou o mangá de comedia Ginga Patrol Jako na revista Shonen Jump.

A saga de Majin Boo em Dragon Ball Kai começara a ser transmitido na TV Fuji a partir do dia 6 deste mês.

Leia mais sobre Dragon Ball.
Patreon de O Vértice