Henshin+ | Lançamento de Sailor Moon, Brasil Mangá Awards e novidades da editora JBC

Neste sábado a editora JBC realizou em São Paulo a terceira edição do evento Henshin+. Durante o evento foi realizado o lançamento oficial do mangá Sailor Moon, com direito a concurso de melhor Cosplay dos personagens do mangá.

Alem do lançamento do mangá de Naoko Takeuchi em terras brasileiras, a editora aproveitou o evento para revelar os grandes vencedores do Brasil Mangá Awards e anunciar as próximas novidades da JBC.

[heading size="14"]Mangá Sailor Moon oficialmente lançado no Brasil[/heading]

manga_jbc_sailormoonSailor Moon é uma das animações japonesas mais famosas dos anos 90, junto de animes como Dragon Ball e Os Cavaleiros do Zodíaco. Portanto o lançamento do mangá das Guerreiras da Lua se tornou "o mangá mais importante da historia da JBC", segundo o editor e gerente de conteúdo Cassius Medauar.

Segundo Medauar, a editora estava atrás da licença de publicação da serie desde 2000 e apenas em 2012 a editora Kodansha autorizou a licença para a JBC, porem apenas em 2013 a editora japonesa confirmou  e autorizou a publicação da serie no Brasil.

Também foi explicado o motivo de algumas escolhas que a editora fez com relação a tradução do mangá:

"Já havíamos decidido usar os nomes originais desde o começo. Houve muita discussão sobre os honoríficos, mas decidimos não usá-los". Explicou Medauar se referindo a escolha da editora em usar os nomes dos personagens em japonês e sem utilizar os termos chan, san, ou kun, por exemplo, no final do nome dos personagens.

“Mas houve exceções no uso de honoríficos, como no caso do ‘Mamo-chan”. Nesse caso foi uma sábia decisão em usar o honoríficos ou então a personagem poderia acabar sendo chamada de Mamorzinho.

Durante o lançamento do mangá foi anunciado que Sailor Moon terá outdoors nas estações do Metro de São Paulo e que a editora foi a única a receber autorização da Kodansha para utilizar imagens do artbook da serie para publicidade. Com isso Medoar espera que Sailor Moon possa ultrapassar o mangá Naruto (da concorrente Panini).

Para encerrar o lançamento do mangá, foi realizado um concurso de Cosplay dos personagens da serie.

[caption id="attachment_49939" align="aligncenter" width="500"]bj6thxvigaa2byn Fonte da imagem: Twitter @henshinjbc[/caption]

O mangá Sailor Moon está a venda em livrarias e lojas especializadas a partir desta segunda-feira, dia 31/03, e no dia 03/04 começa a venda do mangá nas bancas de todo o Brasil.


[heading size="14"]Os vencedores do Brasil Mangá Awards[/heading]

Na segunda parte do evento foi realizado um debate sobre os quadrinhos nacionais, porem o que todos esperavam era o anuncio dos vencedores do primeiro Brasil Mangá Awards.

Segundo Cassius Medauar, dos mais de 180 mangás recebidos, apenas 20 ou 25 tiveram um resultado satisfatório, ele também comentou que muitos mangás tinham belos traços, porem roteiros muito ruins. Segundo ele, também foram enviados muitos Narutos e Dragon Balls.

Foi anunciado que o concurso de mangás terá uma segunda edição ainda neste ano, porem ainda não existe a definição de quando ira ocorrer.

Por fim, foi anunciado os vencedores do primeiro Brasil Mangá Awards, que são: Daniel Ferreira e Ricardo Tokumoto com a obra Starmind, Entre Monstros e Deuses de Pedro Leonelli e Dharilya Rodrigues, [Re]Fabula de Ivys Portela, Quack de Carlos Antunes Júnior e a obra Crishno: O Escolhido de Francis Ortolan e Lielson Zeni.

Os vencedores terão seus mangá publicados em uma antologia da JBC, porem ainda não data definida para publicação.

[heading size="14"]Novidades da JBC [/heading]

A ultima parte do evento começou com Cassius falando do forma atual da JBC em lançar mangás e sendo exibido um vídeo mostrando a redação e os mangás lançados pela editora. Também foi falado sobre a importância do BMA (Brasil Mangá Awards) para a industria de quadrinhos nacionais. Foi anunciado novamente os vencedores do concurso e logo depois exibido um vídeo da esposa do mangáka Nobuhiro Watsuki (Rurouni Kenshin), Kaoru Kurosaki, que teve uma passagem pelo Brasil recentemente.

A primeira novidade da editora foi o anuncio do lançamento do segundo volume de Combo Rangers durante a Comic Con Experience em dezembro deste ano. A JBC também ira lança a revista oficial da cantora japonesa Tsubasa, nesta revista será incluído um CD da cantora.

Yu Yu Hakusho 01Para os mangás a editora anunciou que ira lançar o mangá de suspense Prophecy (do mangáka Tetsuya Tsutsui, publicada na revista Jump Kai e possuindo 3 volumes) e o mangá de batalha Hoshi no Samidare (Lucifer And The Biscuit Hammer) de Satoshi Mizukami e publicado na revista Young King, com 10 volumes no total.

E pegando muitos de surpresa, a JBC anunciou que ira relançar o clássico mangá Yu Yu Hakusho. A obra de Yoshihiro Togashi foi lançado pela editora entre 2002 e 2004.

Yu Yu Hakusho foi lançado na revista Shonen Jump entre 1990 e 1994 e possui 19 volumes. Não foi anunciado qual o formato será utilizado para o relançamento da obra.

Tirando Combo Ranger, nenhuma outra novidade da editora ainda possui data de lançamento.

Leia mais sobre Mangá.

[caption id="attachment_49942" align="aligncenter" width="700"]cats Capa do suspense Prophecy e de Hoshi no Samidare[/caption]
Patreon de O Vértice